I’m not sure when it officially started, but it appears that the “principles” of The Christian Party of America (CPA) were published online on April 12, 2011 at around 10 p.m., so despite its website looking like something that was around when Dole/Kemp stickers were in season, The CPA is (I’m assuming) fairly new.

Who’s in charge of the CPA? Well, it’s none other than Clell M. Drumheller, II (pictured below).

Doesn’t he look like the ideal leader of a Communist Christian Combative Political regime? I think I’ve seen CCCP somewhere before…

Clell lives in a basement somewhere in Houston.

So what does Clell’s CPA stand for?

Well, here are its 12 official principles… along with my personal thoughts & comments (in red).

1. 100 % Pro-Life, Pro-Liberty, and Pro-Private Property Ownership. (The terms “Life” and “Liberty” are subjective and “Private Property Ownership” means “we own cannons, tanks, and hand grenades.”)

2. Complete National Sovereignty for the USA (Aw, they’re like patriotic Calvinists–just like the Pilgrims.)

3. Maintain Strong National Defense of the actual oil interests of the United States–meaning Texas!–, only. With this Secure Our Southern Borders, Home Interior, Kirk Cameron, Language, Lee Greenwood songs, and Culture, as well as Embrace Fair Trade Policy.

4. Return the Rule of Law to Our Nation – ending the Rule of Prominent Personalities (people such as Will & Kate, Hillary, or those who wear turbans and Unaccountable Entities that, currently, dominates. (Yep, they own cannons.)

5. Truly Constitutional, Limited Government – at all levels – according to the principles of Strict Construction and Original Intent–Let Wal-mart and cattle farmers do whatever they want.

6. Restore All Constitutional Rights and Protections to Citizens. US Constitutional Rights are, only, for Actual Citizens of the USA. (And let’s put the Constitution back in the King James Bible where it belongs, between Judges and Ruth.)

7. Restore Home Rule and States’ Rights and Sovereignty. (See? Just like the Pilgrims.)

8. Rescind the 16th (concerning the Federal Personal Income Tax) and 17th (concerning the way U.S. Senators are elected) Amendments.  (And call the American people Israelites.)

9. Eliminate all Taxes Other than Those Permitted in the Original Constitution and Practiced by the Nation’s Founders. (And bring back Confederate money.)

10. End Unconstitutional Government Spending (BUY GOLD) — and the Federal Reserve System (BUY GOLD) — and Return to Sound, (BUY GOLD) Backed Money. (BUY GOLD)

11. Congressional Reform. Make them wear wigs again.

12. Good Character, as determined and judged by observed behavior, on the Part of Those in Public Office, based on the standards of our Judeo-Christian (meaning, White) heritage.

I’m not sure how any of that is “Christian” but if you’re interested in joining the Christian Party of America, you can learn more here.

Thank you Melody… SOURCE

POLITICS: The Christian Party of America is a post from: Jesus Needs New PR


More from Beliefnet and our partners
previous posts

 Não é segredo que o futuro do meia do Real Madrid, James Rodriguez, esteja em dúvida.  O jogador colombiano não viu muito tempo de jogo sob o comando de Zidane, na última temporada, e quer encontrar uma nova equipe que lhe oferecerá mais tempo de jogo.

Muitos clubes estiveram interessados ​​em James, incluindo o Manchester United, mas a demora é justificada por se tratar de uma negociação que envolve muitos milhões de euros. De acordo com o jornal AS, o agente do jogador (Jorge Mendes) ofereceu seu cliente ao Milan enquanto eles chegavam a um acordo para a transferência da nova estrela portuguesa, André Silva.


De acordo com a imprensa, o presidente do Real Madrid, Florentino Perez, disse ao clube de Milão que ele está preparado para aceitar uma oferta na casa dos € 60 milhões (R$ 222 milhões).

Este seria um desconto significativo do preço original de € 70 milhões. No entanto, James tem seu coração definido no Manchester United e está determinado a segurar a sua proposta.

Mas o colombiano pode ter que esperar para concretizar uma transferência para o clube inglês. O Manchester United está atento ao futuro de Cristiano Ronaldo no Real Madrid e está disposto a esperar até o final da janela de transferência para garantir a volta do português.

Com o futuro de Gigio Donnarumma inseguro, após o goleiro rejeitar uma proposta para renovar o seu contrato com o Milan, um acordo envolvendo a troca de Donnarumma com James pode certamente estar nos planos para ambos os clubes. 

 Não é segredo que o futuro do meia do Real Madrid, James Rodriguez, esteja em dúvida.  O jogador colombiano não viu muito tempo de jogo sob o comando de Zidane, na última temporada, e quer encontrar uma nova equipe que lhe oferecerá mais tempo de jogo.

Muitos clubes estiveram interessados ​​em James, incluindo o Manchester United, mas a demora é justificada por se tratar de uma negociação que envolve muitos milhões de euros. De acordo com o jornal AS, o agente do jogador (Jorge Mendes) ofereceu seu cliente ao Milan enquanto eles chegavam a um acordo para a transferência da nova estrela portuguesa, André Silva.


De acordo com a imprensa, o presidente do Real Madrid, Florentino Perez, disse ao clube de Milão que ele está preparado para aceitar uma oferta na casa dos € 60 milhões (R$ 222 milhões).

Este seria um desconto significativo do preço original de € 70 milhões. No entanto, James tem seu coração definido no Manchester United e está determinado a segurar a sua proposta.

Mas o colombiano pode ter que esperar para concretizar uma transferência para o clube inglês. O Manchester United está atento ao futuro de Cristiano Ronaldo no Real Madrid e está disposto a esperar até o final da janela de transferência para garantir a volta do português.

Com o futuro de Gigio Donnarumma inseguro, após o goleiro rejeitar uma proposta para renovar o seu contrato com o Milan, um acordo envolvendo a troca de Donnarumma com James pode certamente estar nos planos para ambos os clubes. 

A Juventus segue confiante na contratação do meia francês, Steven N'zonzi. De acordo com a imprensa italiana, o jogador do Sevilla já teria dado o 'sim' para os italianos, que estão avançando nas negociações com o clube espanhol que não está disposto a receber menos que os 40 milhões de euros (R$ 147 milhões) referente a sua cláusula de rescisão.

No entanto, a 'Velha Senhora' também está atenta as movimentações do mercado de transferência e já teria identificado dois outros jogadores da posição, na Premier League, como alternativas.

O jornal 'Tuttosport' diz que Nemanja Matic, do Chelsea, é uma forte opção para reforçar o meio-campo italiano. Matic é um alvo de Allegri há um tempo e ele poderia deixa o Chelsea com a chegada de Tiemoue Bakayoko, então a Juve está monitorando a situação.

No entanto, o jornal 'Corriere dello Sport' afirma que o alemão do Liverpool, Emre Can, é um dos alvos favoritos do técnico da Juve, Allegri, especialmente que seu contrato com o clube inglês termina no final de Junho de 2018. 

Segundo o jornal italiano, se Can não assinar um novo acordo com os Reds, antes do inicio da nova temporada, o clube inglês pode ser forçado a vender o alemão.

Existem também outras alternativas, como Matuidi. O jogador francês já declarou que quer deixar o Paris Saint-Germain nessa janela de transferência, mas a Inter de Milan parece que está muito próxima de chegar a um acordo com o jogador e o clube francês.

A Juventus segue confiante na contratação do meia francês, Steven N'zonzi. De acordo com a imprensa italiana, o jogador do Sevilla já teria dado o 'sim' para os italianos, que estão avançando nas negociações com o clube espanhol que não está disposto a receber menos que os 40 milhões de euros (R$ 147 milhões) referente a sua cláusula de rescisão.

No entanto, a 'Velha Senhora' também está atenta as movimentações do mercado de transferência e já teria identificado dois outros jogadores da posição, na Premier League, como alternativas.

O jornal 'Tuttosport' diz que Nemanja Matic, do Chelsea, é uma forte opção para reforçar o meio-campo italiano. Matic é um alvo de Allegri há um tempo e ele poderia deixa o Chelsea com a chegada de Tiemoue Bakayoko, então a Juve está monitorando a situação.

No entanto, o jornal 'Corriere dello Sport' afirma que o alemão do Liverpool, Emre Can, é um dos alvos favoritos do técnico da Juve, Allegri, especialmente que seu contrato com o clube inglês termina no final de Junho de 2018. 

Segundo o jornal italiano, se Can não assinar um novo acordo com os Reds, antes do inicio da nova temporada, o clube inglês pode ser forçado a vender o alemão.

Existem também outras alternativas, como Matuidi. O jogador francês já declarou que quer deixar o Paris Saint-Germain nessa janela de transferência, mas a Inter de Milan parece que está muito próxima de chegar a um acordo com o jogador e o clube francês.