I read this story on one of my favorite blogs–Gawker.com.

The headline is catchy: Oprah fired me for talking about Jesus!

While I believe this story could be true, I’m also skeptical since its source is Kitty Kelley, the well-known biographer (of mostly famous people) with a knack for stretching the truth into best selling books.

The “me” in the story is Jo Baldwin, Oprah’s first cousin. And according to Kelley’s story at Gawker…

Shortly after Oprah Winfrey became a national sensation she hired her first cousin Jo Baldwin to be her speechwriter. Later she promoted Baldwin to VP of her company Harpo Inc.

Kelley writes that Cousin Jo was contracted to work for Oprah for three years. But by year two, Oprah fired Cousin Jo without notice. CJ told Kelley…

I heard from someone later that she got rid of me because she got tired of me talking about Jesus all the time…

And here we see a classic Kitty Kelleyism… Cousin Jo heard from someone (Who?) that she was fired for yapping about Jesus too much. Cousin Jo then goes on to tell Kelley about Oprah’s affection for Shirley MacLaine’s books.

…Oprah made me read [the books] but I didn’t think much of [them].

So Oprah is a follower of Shirley?! People actually did that? Wow…

Cousin Jo, a tenured professor at Mississippi Valley State, is also an ordained minister who preaches at two churches every Sunday, goes on to tell Kelley a whole lot more. You can read the whole story here.

Kelley ends her Gawker.com piece with this final quote from Cousin Jo…

“Mainly, Oprah wanted to shame me for being a follower of Jesus as if to say, ‘What is He doing for you that’s so great?’ Oprah inflicts emotional wounds that could lead to physical illness, if they aren’t healed. My faith has kept me from getting sick [over her].”

Again, I can believe this story. But I also suspect these types of situations happen when family and money is involved. And I’m sure Oprah has a lot of relatives out there wanting to cash in…

And too…Kelley’s biography of Oprah (Oprah: The Biography) just released in paperback and THE ABOVE story is value-added content available only in the paperback.

And I wouldn’t put it past Kelley to think: “Well, I couldn’t sell any books by telling America that Oprah is a lesbian, maybe I can sell a few paperbacks by getting them to believe that she hates Jesus!”

Or…

…perhaps Oprah hates Jesus. Or maybe Cousin Jo talks about Jesus like the fundamentalists I grew up with (was she payed for the story?)

And perhaps if I was a follower of Shirley, I might have fired Cousin Jo too (especially if I was Oprah!)

Again… it’s Kitty Kelley… so you never quite know what/who to trust… you just know she’ll do anything to sell more books.

Thoughts?

More from Beliefnet and our partners
previous posts

 Não é segredo que o futuro do meia do Real Madrid, James Rodriguez, esteja em dúvida.  O jogador colombiano não viu muito tempo de jogo sob o comando de Zidane, na última temporada, e quer encontrar uma nova equipe que lhe oferecerá mais tempo de jogo.

Muitos clubes estiveram interessados ​​em James, incluindo o Manchester United, mas a demora é justificada por se tratar de uma negociação que envolve muitos milhões de euros. De acordo com o jornal AS, o agente do jogador (Jorge Mendes) ofereceu seu cliente ao Milan enquanto eles chegavam a um acordo para a transferência da nova estrela portuguesa, André Silva.


De acordo com a imprensa, o presidente do Real Madrid, Florentino Perez, disse ao clube de Milão que ele está preparado para aceitar uma oferta na casa dos € 60 milhões (R$ 222 milhões).

Este seria um desconto significativo do preço original de € 70 milhões. No entanto, James tem seu coração definido no Manchester United e está determinado a segurar a sua proposta.

Mas o colombiano pode ter que esperar para concretizar uma transferência para o clube inglês. O Manchester United está atento ao futuro de Cristiano Ronaldo no Real Madrid e está disposto a esperar até o final da janela de transferência para garantir a volta do português.

Com o futuro de Gigio Donnarumma inseguro, após o goleiro rejeitar uma proposta para renovar o seu contrato com o Milan, um acordo envolvendo a troca de Donnarumma com James pode certamente estar nos planos para ambos os clubes. 

 Não é segredo que o futuro do meia do Real Madrid, James Rodriguez, esteja em dúvida.  O jogador colombiano não viu muito tempo de jogo sob o comando de Zidane, na última temporada, e quer encontrar uma nova equipe que lhe oferecerá mais tempo de jogo.

Muitos clubes estiveram interessados ​​em James, incluindo o Manchester United, mas a demora é justificada por se tratar de uma negociação que envolve muitos milhões de euros. De acordo com o jornal AS, o agente do jogador (Jorge Mendes) ofereceu seu cliente ao Milan enquanto eles chegavam a um acordo para a transferência da nova estrela portuguesa, André Silva.


De acordo com a imprensa, o presidente do Real Madrid, Florentino Perez, disse ao clube de Milão que ele está preparado para aceitar uma oferta na casa dos € 60 milhões (R$ 222 milhões).

Este seria um desconto significativo do preço original de € 70 milhões. No entanto, James tem seu coração definido no Manchester United e está determinado a segurar a sua proposta.

Mas o colombiano pode ter que esperar para concretizar uma transferência para o clube inglês. O Manchester United está atento ao futuro de Cristiano Ronaldo no Real Madrid e está disposto a esperar até o final da janela de transferência para garantir a volta do português.

Com o futuro de Gigio Donnarumma inseguro, após o goleiro rejeitar uma proposta para renovar o seu contrato com o Milan, um acordo envolvendo a troca de Donnarumma com James pode certamente estar nos planos para ambos os clubes. 

A Juventus segue confiante na contratação do meia francês, Steven N'zonzi. De acordo com a imprensa italiana, o jogador do Sevilla já teria dado o 'sim' para os italianos, que estão avançando nas negociações com o clube espanhol que não está disposto a receber menos que os 40 milhões de euros (R$ 147 milhões) referente a sua cláusula de rescisão.

No entanto, a 'Velha Senhora' também está atenta as movimentações do mercado de transferência e já teria identificado dois outros jogadores da posição, na Premier League, como alternativas.

O jornal 'Tuttosport' diz que Nemanja Matic, do Chelsea, é uma forte opção para reforçar o meio-campo italiano. Matic é um alvo de Allegri há um tempo e ele poderia deixa o Chelsea com a chegada de Tiemoue Bakayoko, então a Juve está monitorando a situação.

No entanto, o jornal 'Corriere dello Sport' afirma que o alemão do Liverpool, Emre Can, é um dos alvos favoritos do técnico da Juve, Allegri, especialmente que seu contrato com o clube inglês termina no final de Junho de 2018. 

Segundo o jornal italiano, se Can não assinar um novo acordo com os Reds, antes do inicio da nova temporada, o clube inglês pode ser forçado a vender o alemão.

Existem também outras alternativas, como Matuidi. O jogador francês já declarou que quer deixar o Paris Saint-Germain nessa janela de transferência, mas a Inter de Milan parece que está muito próxima de chegar a um acordo com o jogador e o clube francês.

A Juventus segue confiante na contratação do meia francês, Steven N'zonzi. De acordo com a imprensa italiana, o jogador do Sevilla já teria dado o 'sim' para os italianos, que estão avançando nas negociações com o clube espanhol que não está disposto a receber menos que os 40 milhões de euros (R$ 147 milhões) referente a sua cláusula de rescisão.

No entanto, a 'Velha Senhora' também está atenta as movimentações do mercado de transferência e já teria identificado dois outros jogadores da posição, na Premier League, como alternativas.

O jornal 'Tuttosport' diz que Nemanja Matic, do Chelsea, é uma forte opção para reforçar o meio-campo italiano. Matic é um alvo de Allegri há um tempo e ele poderia deixa o Chelsea com a chegada de Tiemoue Bakayoko, então a Juve está monitorando a situação.

No entanto, o jornal 'Corriere dello Sport' afirma que o alemão do Liverpool, Emre Can, é um dos alvos favoritos do técnico da Juve, Allegri, especialmente que seu contrato com o clube inglês termina no final de Junho de 2018. 

Segundo o jornal italiano, se Can não assinar um novo acordo com os Reds, antes do inicio da nova temporada, o clube inglês pode ser forçado a vender o alemão.

Existem também outras alternativas, como Matuidi. O jogador francês já declarou que quer deixar o Paris Saint-Germain nessa janela de transferência, mas a Inter de Milan parece que está muito próxima de chegar a um acordo com o jogador e o clube francês.